AVSI COMUNICA / Notícias

APAC DE SÃO JOÃO DEL REI INAUGURA PADARIA PELO PROJETO SUPERANDO FRONTEIRAS

O projeto também promoveu curso de formação humana e profissional para as unidades masculina e feminina
Publicada em 10/12/2019

 

O trabalho nas padarias das APACs tem um grande valor no processo de reintegração social dos recuperandos pelo potencial de contribuir não apenas com o exercício profissional, mas também auxiliar na venda de mercadorias e fornecer produtos para consumo interno.

 

Por este motivo, a APAC de São João del Rei, por meio do projeto Superando Fronteiras, inaugurou uma padaria na unidade masculina, no início de novembro. O projeto atua buscando oferecer aos recuperandos da APAC a formação humana e profissional para a reintegração na sociedade, através da promoção de uma unidade produtiva e outras oportunidades de trabalho. Os equipamentos da nova padaria foram adquiridos ainda no final de 2018 e a nova estrutura busca atender às propostas de expansão da produção na unidade masculina.

 

“Tenho uma grande expectativa com a nova padaria, pois poderemos proporcionar profissionalização para uma gama maior de recuperandos do regime semiaberto, assim, trazendo a dignidade através do trabalho”, afirma Julian Melo, supervisora de oficinas.

 

Além disso, foi realizado um trabalho de adaptação do manual de gestão e operação de padarias à estratégia de negócios, definida pela equipe da APAC com apoio da coordenadora de projetos da AVSI Brasil, Mônica Silva.

 

 

Formações profissionais

 

Atuando em parceria com o Instituto Minas Pela Paz, o projeto Superando Fronteiras realizou também formações profissionais entre os meses de outubro e novembro, sendo eles:  Confeitaria para a APAC feminina, promovido em conjunto com o SENAI, que contemplou 26 mulheres do regime semiaberto. E formação humana para a APAC masculina para 30 recuperandos.

 

Jean Dias da Silva, um dos participantes das formações, afirma que as capacitações trouxeram pontos positivos para seu relacionamento com as pessoas. “Aqui aprendi a me relacionar e a entender um pouco mais as pessoas, melhorando minha convivência com outros recuperandos e com a minha família. Dentro das oficinas, buscamos aperfeiçoar nosso trabalho em equipe. Além disso, quero montar meu próprio negócio e este curso me mostrou parte do empreendedorismo que aplicarei futuramente. Sou muito grato pela oportunidade oferecida”.

 

A possibilidade de atuar na nova padaria e as formações profissionais representam uma esperança e um importante passo no processo de regeneração dos recuperandos. Para fevereiro de 2020, o projeto planeja uma formação para a APAC masculina voltada para o módulo de técnicas de panificação.

 

 

O projeto

 

O projeto Superando Fronteiras tem como objetivo promover os direitos humanos dos condenados à prisão no Brasil, fortalecendo a participação e o diálogo entre os parceiros, organizações da sociedade civil e instituições. A atuação acontece buscando proporcionar a potencialização da Unidade Produtiva Padaria, formações profissionais, humanas e metodológicas para recuperandos e administradores, seminários de sensibilização e missões de assessoria técnica para APACs em recente constituição.  

 

 

Sobre as APACs

 

As APACs são Organizações da Sociedade Civil que têm como objetivo a humanização das penas privativas de liberdade e a promoção dos direitos humanos das pessoas privadas de liberdade através de um trabalho voltado para sua ressocialização efetiva.



Links relacionados


Compartilhe
Imprimir ou enviar por e-mail
Mais Notícias

 






Sede: Salvador - Bahia - Brasil / 71 3555-3355 / salvador@avsi.org - Filiais e escritórios: Ceará, Goiás, Minas Gerais, Pernambuco, Rio de Janeiro, Rio Grande do Norte e Roraima.