AVSI COMUNICA / Notícias

CAMPANHA TENDAS 2020-21

Conheça os projetos deste ano e participe!
Publicada em 14/12/2020

 

Esperança no trabalho (Burundi)

Promover oportunidade educacional e profissional para 3.000 jovens e mulheres vulneráveis

 

O Burundi é um dos países mais pobres do mundo, mas tem um grande recurso: a população é jovem – a média de idade é 18 anos. Para isso, a AVSI investe nos jovens com ações de combate ao abandono escolar, à falta de perspectivas e ao desemprego.

 

A AVSI trabalha para criar oportunidades de emprego para jovens e mulheres vulneráveis ??nos bairros informais da cidade de Bujumbura e nas áreas rurais das províncias de Kayanza e Cibitoke.

 

O que podemos fazer juntos:

 

Os jovens e mulheres envolvidos poderão ter acesso a cursos de alfabetização, participar de treinamentos em habilidades para a vida, ou seja, habilidades cognitivas, emocionais e de relacionamento que permitem às pessoas enfrentarem os desafios do dia a dia, e cursos de qualificação profissional, setor alimentício e artesanato. Além disso, serão apoiadas microempresas para a transformação de produtos agrícolas através do financiamento e do fornecimento de sistemas fotovoltaicos para o funcionamento de máquinas.

 

 

 

Hospitais Abertos - IV ano solidário (Síria)

Participar da arrecadação de fundos para fortalecer três hospitais sem fins lucrativos em Alepo e Damasco e garantir atendimento aos mais pobres

 

Em resposta concreta ao pedido de ajuda do povo sírio, foi concebido em 2016 e entrou em funcionamento em 2017 o projeto “Hospitais abertos”.

 

O objetivo do projeto está todo contido em seu título: abrir as portas de três hospitais (o Hospital Italiano e o Hospital Francês em Damasco; e o Hospital St. Louis em Alepo) ao maior número de pacientes pobres que não conseguiram os cuidados que precisam. Nos últimos anos, diversos tratamentos têm sido oferecidos gratuitamente, desde curas de patologias complexas até doenças mais simples que, no entanto, se negligenciadas em um contexto profundamente marcado pelas consequências da guerra, podem matar tanto quanto as bombas.

 

O que podemos fazer juntos:

 

Este projeto já garantiu em três anos mais de 38.000 atendimentos gratuitos e de qualidade (diagnósticos, terapias, cirurgias) aos sírios pobres (dados de outubro de 2020). Este ano, também forneceremos suporte de atendimento domiciliar para pacientes COVID-19.

 

 

 

Nunca muito longe, com suporte remoto (Líbano)

Acompanhar 1.200 crianças sírias e libanesas em seu caminho de crescimento: ajude-as e toda a comunidade

 

O Líbano vive uma grave crise econômica e política, agravada pela epidemia de COVID-19 e pela explosão ocorrida no último dia 4 de agosto no porto de Beirute. Mais de 50% da população vive abaixo da linha da pobreza, o que torna as relações entre a população local e os refugiados mais tensas. O país abriga 1.500.000 sírios e 300.000 palestinos, números que, dado o contexto, tornam a prestação de serviços básicos ainda mais complexa.

 

A AVSI continuará desenvolvendo atividades de apoio à distância para atender às necessidades essenciais de alimentação, abrigo, saúde e educação de 1.200 crianças. Paralelamente, promoverá cursos de alfabetização, associações de poupança e crédito, cursos de qualificação profissional e atividades geradoras de renda para os pais. Ou seja, o caminho de crescimento de cada criança é sempre pensado de forma conectada ao de sua família e comunidade, para que o desenvolvimento aconteça em um ambiente de paz.

 

O que podemos fazer juntos:

 

Graças a este projeto, além de apoiar ações educativas nas escolas e o ensino online de crianças apoiadas à distância, a AVSI realizará atividades de sensibilização e distribuição de embalagens com alimentos, saneamento e recreação em acampamentos informais sírios. Além disso, continuará a construção da "Casa AVSI" no sul do Líbano, projetada gratuitamente pelo arquiteto Mario Botta, que pretende ser uma referência educacional e profissional para mais de 100.000 pessoas.

 

 

 

Crianças migrantes não estão mais sozinhas (México)

Proteja os direitos de 500 crianças que fogem da pobreza

 

Nos últimos anos, o México não é mais considerado pelos migrantes da América Central como um país de trânsito na rota migratória para os Estados Unidos, mas como um país de escala ou permanência. Por isso, lida com o fenômeno do acolhimento prolongado, em particular de crianças e adolescentes que, fugindo de alguns dos países mais violentos do mundo, viajam principalmente sozinhos, correndo o risco de sofrer abusos de toda a ordem.

 

Graças ao projeto “Inclusão Digna”, em andamento nos estados de Oaxaca e Jalisco, a AVSI visa proteger e promover os direitos das crianças e adolescentes migrantes e fortalecer o papel da sociedade civil mexicana na promoção direitos humanos e reformas democráticas.

 

O que podemos fazer juntos:

 

Com este projeto, a AVSI propõe um modelo alternativo de atendimento a crianças e adolescentes migrantes a realizar através da criação de um centro dedicado a eles, do apoio às estruturas de acolhimento existentes e da formação dos próprios operadores dos centros. A comunidade local anfitriã também estará envolvida em uma campanha de informação e conscientização. Crecemos Dijo, organização parceira da AVSI, irá colaborar no projeto, particularmente atuante na luta contra a desnutrição e o abandono escolar.

 

 

 

Com Mireille ao lado dos meninos de rua (Camarões)

Apoiar a reinserção familiar, social e profissional de 100 jovens em dificuldade

 

Camarões é um país da África equatorial onde o número de crianças que vivem nas ruas é muito alto: estima-se que milhares de jovens entre 10 e 20 anos emigram do campo para a cidade para escapar de situações familiares difíceis, apostando em uma vida melhor nos centros urbanos. Na realidade, principalmente devido à baixa escolaridade, eles lutam para se encaixar no novo contexto e, na maioria dos casos, ficam sem um abrigo seguro.

 

Com este projeto, a AVSI pretende combater este fenômeno por meio da reinserção familiar, social e profissional dessas crianças e também dos jovens libertados da prisão, apoiando-os mesmo em circunstâncias ainda mais críticas pela pandemia.

 

O que podemos fazer juntos:

 

Graças à colaboração com o Centro Edimar, que desde 2002 ajuda os meninos de rua de Yaoundé e os acompanha na redescoberta do valor e da dignidade da vida, a AVSI poderá apoiar 100 jovens vulneráveis, incrementar sua capacidade de trabalho e facilitar seu acesso ao mundo de trabalho ou retorno à família.

 

 

 

Ao lado de quem precisa (Itália)

Apoiar 5.000 famílias italianas em dificuldade devido à emergência COVID-19

 

Ao lado dos necessitados, está o programa AVSI Covid-19 de resposta a emergências na Itália, ao qual já aderiram mais de 20 empresas, doadores institucionais, fundações e parceiros.

 

A crise está afetando muitas famílias de forma dramática. Quem nunca conheceu a pobreza, está hoje na situação de não poder pagar as compras, as contas, os utensílios necessários para o ensino dos seus filhos. Você também pode contribuir dando ajuda concreta às famílias em dificuldade.

 

O que podemos fazer juntos:

  • Transferência de recurso para famílias em dificuldade financeira;
  • Apoio psicossocial para crianças vulneráveis ??e suas famílias;
  • Formação de educadores no novo contexto;
  • Tablets e computadores para atividades educacionais remotas;
  • Equipamentos de proteção individual e material higiênico-sanitário para famílias em vulnerabilidade.

 

 

Participe! Faça sua doação para contribuir com os projetos da Campanha Tendas deste ano:

 

Banco Itaú

Agência 5190

Conta Corrente 65.100-9

CNPJ 08.929.749/0001-85

 

Ficou com alguma dúvida? Precisa de algum suporte para a divulgação? Entre em contato: ascom@avsi.org.br




Compartilhe
Imprimir ou enviar por e-mail

 






Sede: Salvador - Bahia - Brasil / 71 3555-3355 / salvador@avsi.org - Filiais e escritórios: Ceará, Goiás, Minas Gerais, Pernambuco, Rio de Janeiro, Rio Grande do Norte e Roraima.